Feira Laica

Archive for Junho, 2010|Monthly archive page

16ª Feira Laica / Junho 2010 / Bedeteca de Lisboa

In autores estrangeiros, LAICA VERÃO, Música, murais on Junho 26, 2010 at 1:12 pm
cartaz de Salão Coboi

Nos jardins da Bedeteca: concertos, segunda mão, workshops de tipografia e claro editores independentes e artistas gráficos: A Estante, Ana Oliveira, Associação Chili Com Carne, Atac, Averno, zine B74, Blam Blam + Toys Are Evil, Dr. Makete, zine É fartar vilanagem + Dedomau + Antónia Tinturé, grupo Entropia, Fade In – Associação de Acção Cultural, discos F.Leote + Ana Menezes, Os Gajos da Mula + revista Detritos, Imprensa Canalha, Mike Goes West, Mini Orfeu, MMMNNNRRRG, autor Nevada Hill (EUA), Noori, Oficina do Cego, Opuntia Books, Pedranocharco, Quarto de Jade, Raging Planet, Reject’zine, Ruru Comix + Latrina do Chifrudo, Soft Porn Coloring Book, Thisco e zine Znok.

Novidades editoriais:
Comboio da Noite (Mike Goes West), serigrafia de Jakob Klemencic
Detritos 04, revista com o tema Terror / Terrorismo
– É fartar vilanagem! #3, zine de Alexandre Esgaio
Grimm Portraits of Doom (Ruru Comix), zine de Conde Rudegrarrr
– Mass #3, zine de Nevada Hill
O Pénis Assassino (MMMNNNRRRG, 2ª edição), livro de bd de Janus
Putan Club (Mike Goes West), serigrafia de Igor Hofbauer
A Segunda Vida de Djon de Nha Bia (Chili Com Carne), romance de Nuno Rebocho
– serigrafia de João Chambel (Mike Goes West)
Simplesmente Rudolfo #1 (Ruru Comix), fanzine dedicado ao Rudolfo
– Soft Porn Coloring Book, zine de ilustração
Souffle au Coeur, serigrafia de Miguel Carneiro
To A stranger (Opuntia Books), graphzine de Tommi Musturi
Concertos:
Sábado:
Filipe Felizardo + Rudolfo nos jardins da Bedeteca de Lisboa durante a tarde;
Nevada Hill (violino + electrónica) com Pedro Sousa (saxofone), Nuno Moita (electrónicas) e Gabriel Ferrandini (bateria + percussão) na loja Trem Azul às 22h. DJing: unDJ MMMNNNRRRG (a confirmar)
Domingo:
Filho da Mãe + Nevada Hill (violino + electrónica) com R- (electrónicas), Travassos (electrónicas) e Manuel Gião (guitarra) nos jardins da Bedeteca durante a tarde.

Este slideshow necessita de JavaScript.

fotos de Andreia Rechena (+ aqui)

Anúncios

åbroïderij! HA! / Junho 2010 / Claustros do Instituto Politécnico de Setúbal

In exposições, Música, video on Junho 13, 2010 at 4:11 pm

De 13 de Junho a 27 de Junho. Um projecto arrojado comissariado em registo de cadáver esquisito agora em rota de itinerância. Exposição com a participação de cerca de 4 dezenas de artistas gráficos nacionais e internacionais: André Lemos, João Rubim, Jucifer, Ilan Manouach (gr), Guillaume Soulatges (fr), Fabio Zimbres (br), Bruno Borges, Joanna Latka, Nuno Neves, Richard Câmara, Miguel Carneiro, Cátia Serrão, Luís Henriques, Rosa Baptista, Daniel Lima, José Cardoso, Rui Vitorino Santos, Júlio Dolbeth, Joana Rosa Bragança, Lucas Almeida, Pedro Zamith, João Maio Pinto, Teresa Amaral, Pedro Lourenço, Bráulio Amado, Lucas Barbosa, Sérgio Vieira, Artur Varela, Ana Menezes, João Fazenda, Rafael Gouveia, Stevz (br), Christopher Webster (uk), Filipe Abranches, Kolbeinn Karlsson (sue), Gianluca Costantini (it), MP5 (it), Andrea Bruno (it), Igor Hofbauer (cro) Kai Pfeiffer (ale) e Ulli Lust (ale).

A exposição åbroïderij! HA! foi para Setúbal e tiveram a boa ideia de por os Traumático Desmame para a inauguração e a tocarem dentro de uma capela… Ambiente bem fixe com os filmes bizarros que aguentaram 8 minutos de concerto até a organização cortar a electricidade… censura beata do tempo do Salazar mas que até foi bom, assim foi curto e ficará para a História (Obscura), se tivesse que aguentar 40 minutos de barulheira dos Desmame iria-me esquecer do sítio e da experiência… Foi melhor assim, quem disse que a censura não é uma coisa fixe?

bat + sax na Abrojhein na trem do chiado after work

In exposições, Música on Junho 1, 2010 at 10:01 am

Gabriel Ferandini (dos Red Trio) e Alfredo Carajillo (dos Oto) tocaram no Abrojein-qualquer-coisa / Trem Azul Chiado After Work na semana passada (creio, já não me lembro).

Fotos xungas bem sei mas para relembrar que foi bom! (pequeno é bom?)