Feira Laica

Search for “stripburger”

Laica sempre

In Uncategorized on Maio 31, 2017 at 1:05 pm

Stripburger69-naslovnica-Thumbnail

A revista eslovena Stripbuger é sempre uma surpresa para quem gosta de BD. O novo número surpreendeu em muito, desde uma BD de Bruno Borges, a uma entrevista sobre os 10 anos da antologia kuš! mas sobretudo por um texto do Martin López Lam que justifica a dinâmica da cena gráfica de Valência ainda graças a nós, Feira Laica. Ficamos sentidos, de lágrimas nos olhos e com vontade de voltar…

Relembramos que a Stripburger esteve presente em duas Laicas.

Anúncios

FAQs

In on Dezembro 23, 2012 at 8:59 am

A Feira Laica é o evento de edição independente mais regular e com maior visibilidade pública em Portugal. Tem como objectivos basilares a promoção da bibliodiversidade e a luta contra o monolitismo cultural.

É um projecto vivo e multifacetado: partindo de uma lógica de espaço de comércio cultural alternativo e justo, tem dado visibilidade a inúmeros editores independentes, artistas gráficos e artesãos e promovido diversos eventos geradores: exposições de artes gráficas, workshops de serigrafia e tipografia, concertos, publicações, cinema de animação,…

Ao longo das suas edições concentradas sobretudo em Lisboa (mas com visitas esporádicas a Palmela, Oeiras, Seixal, Porto e Coimbra), a Feira Laica tem assumido um lugar improvável na vida cultural portuguesa enquanto espaço de encontro entre os criadores e o público, numa lógica que permite a aquisição de bens culturais e criações artísticas ou artesanais, sem a existência de intermediários.
A feira é organizada por um pequeno grupo informal de editores e criadores que funcionam como foco galvanizador de uma comunidade criativa muito mais abrangente.

A quem se destina?

Público não determinado com interesse pela banda desenhada, ilustração, literatura, música, impressão e a edição independente em geral. Os mais pequenos também têm o seu espaço próprio com a Mini-Laica (uma feira organizada pelas crianças), contadores de histórias e outras actividades.

Há quantos anos existe?

Desde 2004, sendo repetida duas vezes por ano, uma no Verão (tradicionalmente na Bedeteca de Lisboa) e outra no período de Natal saltitando nos espaços lisboetas que acolhem actividades de teor Do-It-Yourself.

Qual é o objectivo?

Criar um momento catalisador de novidades editoriais, de encontro entre editores independentes entre si e o público, de reflexão sobre a actividade criativa e editorial, de promoção de artistas gráficos e músicos.

Quem participa?

Editores independentes, ilustradores, autores de bd, músicos, realizadores de filmes, impressores, … nacionais e estrangeiros – no passado já nos visitaram os colectivos Glömp (Finlândia), Stripburger (Eslovénia), Hecatombe (Suiça) e Billete de 500 (Galiza), autores Alberto Corradi (Itália), Mike Diana (EUA), Albert Foolmoon (França), Nevada Hill (EUA), Guillaume Soutlages (França), Neuro + Mucs (Roménia/ Dinamarca), Andrea Bruno (Itália), Dice Industries (Alemanha), Ar-Decó (França), Dunja Janković (Croácia/ EUA) e Marcel Ruijters (Holanda) e ainda as Ediciones Valientes (Espanha), Wormgod (Suécia), Milk+Wodka (Suíça), Prego (Brasil), Grut (França), Kennedy Prints (EUA), KVS (Alemanha), Tonto (Áustria) e Zulo Azul (Espanha).

No campo musical já participaram projectos como Samizdata Club (evento da Thisco), The Great Lesbian Show, Traumático Desmame, Lobster, Tiago Guillul / Lacraus, Presidente Drógado, Rita Braga, Nevada Hill (EUA), Travassos, Gabriel Ferrandini, Nuno Moita, Pedro Sousa, Filho Único DJ Set, I Had Plans, Kill Me Tomorrow (EUA), Filipe Felizardo, Filho Da Mãe, Amon Düde (Finlândia), Riding Pânico, Goran Titol, Cangarra, Gnu, Rudolfo, M-PeX, Thermidor, Çuta Kebab & Party, Somália, Nuno Moura, HHY & The Macumbas, Aceloria, Ghuna X, Minuto 22, Canzana, 100 Leio, Putas Bêbadas, Kimo Ameba, Go Suck a Fuck, dUASsEMIcOLCHEIASiNVERTIDAS, Smiley Face, Bandeira Branca, Guida in Valium, Jibóia, unDJ FarraJ, etc…

Que posso comprar na Feira?

Fanzines, livros, discos (CDs e vinis), serigrafias, zines, livros de autor, k7s, entre outros objectos e artefactos que desafiam as prateleiras convencionais das livrarias.

Eventos

Exposições – algumas tornaram-se itinerantes como a impronunciável åbroïderij HA! que percorreu os Maus Hábitos (Dez’08), Casa da Animação (Jan/Mar’09), Biblioteca de Abrantes (Abr’09), Festival Outfest (Mai’09), Bedeteca de Beja (Fev’10), Chiado Afterwork (Mai’10) e Claustros do Instituto Politécnico de Setúbal (Jun’10) – ; concertos; Mini-Laica; murais, cinema de animação e workshops.

Os últimos convidados estrangeiros da Laica…

In autores estrangeiros, LAICA NATAL on Dezembro 15, 2012 at 2:56 pm

RavennamarcelMarcel Ruitjers (Holanda) nasceu em 1966, cresceu no sul da Holanda e frequentou durante alguns anos uma escola de arte nos anos 80. Desde os 7 anos que fazia BD. Com ao advento das fotocopiadoras que tornavam a auto-edição possível para toda uma geração e Marcel viveu esses tempos fazendo títulos como Onbegrijpelijke Verhalen, Mandragoora, Dr. Molotow, Fun&Games, Thank God it’s Ugly e vários monográficos raros, sendo que algumas destas publicações eram antologias com colaborações de vários artistas que Marcel descobriu em vários países como Jakob Klemencic, Prof. Bad Trip, Mike Diana, Matthias Lehmann,…

Actualmente é editor da revista Zone 5300 (de Roterdão, onde o autor reside), escreve crítica a BD no jornal Dagblad De Limburger, faz ilustrações, traduções e tudo o mais que é preciso fazer neste mundo da edição. O seu livro mais conhecido será Trogloditas, que teve edição holandesa (pela Oog & Blik), norte-americana (Top Shelf Comix) e portuguesa (Polvo).

Com Sine Qua Non mudou de estilo gráfico e começou a explorar o imaginário medieval, tendo o livro sido editado pela prestigiada Les Editions de l’An 2. A continuação deste novo estilo é Inferno, livro ganhou o melhor álbum de BD na Holanda em 2008 e que chega a Portugal pela MMMNNNRRRG.

Apesar de já ter participado em várias exposições colectivas em Portugal – como a celebre Honey Talks na Bedeteca de Lisboa, organizada pelo colectivo esloveno Stripburger – Ruijters terá a sua primeira exposição a solo na galeria da Mundo Fantasma em Dezembro 2012, sendo feito para a ocasião uma serigrafia pelo Atelier Mike Goes West.

dansemacabre-7Dice Industries (Alemanha) é autor de BD (publicado em Portugal no Mesinha de Cabeceira), DJ, street artist, artista plástico e algo mais. É a segunda vez que nos visita (esteve presente na última edição) mas antes disso já nos tinha brindado com o seu trabalho na exposição itinerante åbroïderij! HA! – International Graphic Arts Exhibition. Sobre o seu trabalho é bastante interessante esta entrevista feita pela Stress FM na sua primeira visita.

DSC01164

Mattias Elftorp (Suécia) é outro repetente tal como Martin Lam López (Peru / Espanha) que estiveram na 17ª Laica…

Elftorp é o artista / escritor anarquista da série pós-apocalíptica e cyberpunk Piracy is Liberation (11 volumes) e parte do duo editorial Wormgod. Faz exposições sobre os horrores da sociedade capitalista, foi um dos fundadores e editores da revista / colectivo C’est Bon Anthology, sendo responsável actualmente pela colecção Dystopia. Recentemente organizou a segunda edição do festival de BD Alt Com, em Malmö, dedicado ao tema “Sem Fronteiras”.

Martin já foi publicado em algumas antogias da Chili Com Carne – no Boring Europa e no recente Inverno (Mesinha de Cabeceira #23) e é um activista incansável: ilustrador, autor de BD, distribuidor, impressor, editor e organizador da “Laica de Valência”, o Tenderete cuja próxima edição é já 4 e 5 de Janeiro 2013!

nordpol_edda_strobl

Edda Strobl e Helmut Kaplan (Aústria) criaram a editora Tonto, numa primeira fase  dedicada ao Rock complicada, depois à Electrónica experimental e por fim à BD. As antologias da Tonto são experiências de edição, cheio de conceitos e remisturas de imagens com uma originalidade que deverá ser reconhecida quando morrerem… Afinal a Aústria desde sempre que não liga pevas à BD. Acossados pouco a pouco o Tonto começa a fazer danos pela Sérvia, Alemanha, EUA e Portugal – no ano passado BDs deste dois autores foram publicadas no Boring Europa (Chili Com Carne). Será um contacto bastante recompensador para quem gosta de BD e queira a ver a dar novos passos!

P1010758

David Sienra e Cristina Suárez (Espanha) fazem do Zulo Azul o seu selo editorial e atelier de serigrafia para afazer sair material gráfico variado: cartazes, zines, etc… Recentemente foram os culpados por terem co-organizadoo um Maravilhoso Encontro de Auto-Edição em Madrid, onde até esteve lá o Rudolfo a representar Portugal e isso…

ligações

In on Dezembro 12, 2012 at 3:57 pm

laika_lost

História

o site oficial (2004-2010) e Furacão Mitra

Hospedeiros

Velha-a-Branca ||| Bedeteca de Lisboa ||| Casa da Animação 

Maus Hábitos ||| Espaços do Desenho ||| Braço de Prata 

Bedeteca de Beja ||| Guilherme Cossoul ||| Museu da Água 

Engenharia

Chili Com Carne ||| Ecletricks ||| G3 

Imprensa Canalha ||| José Cardoso ||  Jucifer 

Marvellous Tone ||| MMMNNNRRRG |||  Opuntia Books 

Os Gajos da Mula 

Apoios

Rádio Zero ||| Sical ||| Robiallac 

Hepta ||| Trem Azul ||| Matéria Prima

Infektion Magazine ||| stress.fm ||| Mike Goes West

Trienal Desenha ||| BLX ||| Mundo Fantasma 

Adufe Bar

Convidados

Mike Diana ||| Alberto Corradi ||| Glömp

Guillaume Soulatges ||| Nevada Hill ||| Stripburger 

Roman Maeder ||| Martin López Lam ||| Mattias Elftorp 

Albert Foolmoon ||| Neuro ||| Hecatombe 

Grût ||| Prego ||| Nan Vaz 

Pelucas ||| Tayone ||| Andrea Bruno

Kennedy Prints |||  Dunja Janković ||| Ar-Decó

Marcel Ruijters ||| Tonto ||| Zulu Azul

19ª Feira Laica Interncaional

In autores estrangeiros, LAICA NATAL on Dezembro 16, 2011 at 8:17 pm

 

[cartaz de Miguel Carneiro / Oficina Arara]

MAUS HÁBITOS, Porto, 16/18 de Dezembro 2011

PROGRAMA

dia 16 / 23h: inauguração das exposições e concertos;

dia 17 / 14h-21h : Feira de Edição Independente / 23h: concertos

dia 18 / 14h-18h : Feira de Edição Independente / 19h : Festa de Despedida (Espaço Campanhã)

ENTRADA LIVRE (excepto concertos)

±±±±±

Editores presentes:  Ana Torrie + Inés CóiasAssociação Chili Com CarneBillete de 500 (Galiza / Espanha), Edições Côdea + Mondega RecordsFaca Monstro + Marvellous Tone + SoopaGajos da Mula + Oficina AraraGrût (França), O Hábito Faz o MonstroImprensa Canalha + Opuntia BooksInfektion MagazineLeote Records, Mariposa Azual + Mia SoaveMike Goes WestMr. Esgar ArtprintsMMMNNNRRRGOficina do CegoO Panda Gordo + Hidromassagem, revista PangramaPlana PressPõe-te Fino Edições (imagem), revista Prego (Brasil), PrensadorRicardo CastroRuru Comixrevista Stripburger (Eslovénia) e Thisco.

Novidades editoriais:

Aceloria (Marvellous Tone), CD

Algorythms (Marvellous Tone), k7 de Mo Junkie

A Água que nos move (Mariposa Azual), livro de poesia José Alexandre Caldas Ribeiro; 

Aspiração Horrífica (MMMNNNRRRG), de Aaron Shunga

Aspiração Horrífica / Vacuum Horror (MMMNNNRRRG), livro de bd de Aaron Shunga (EUA);

cartaz-remix FUTURO PRIMITIVO por Margarida Borges

Futuro Primitivo (Chili Com Carne) “cartazes-remix” em serigrafia de Filipe Quaresma e Margarida Borges;

Grût & Flude #2 : Road Trip (Grût), graphzine colectivo francês;

Lodaçal Comix #4 + Lodaçal Comix Hórs Serie #1 (Ruru Comix), zines internacionais de bd;

Prego #5 (Prego), zine brasileiro colectivo de bd;

Presidente Drógado (Leote Records), CD-R com produção de Bernardo Devlin;

Rapture – the written word issue, de Ana Marta Ferreira

Red Shoes, de Inês Cóias

Vim porque me pagam (Mariposa Azual), 2ª edição do livro de poesia de Golgona Anghel

±±±±±

ExposiçõesA Dama e o Unicórnio, individual de pintura e desenho de Ana MenezesPrego, colectiva da revista brasileira; e, Fresco, colectiva de ilustração de nova geração de ilustradores do Porto com participações de Paulo Catumba, João Drumond, Daniela Fardilha, Nicolau, Miguel Ministro, André Coelho, Carlitos, Sofia Palma, Mariana Pita e Diogo Rapazote.

Concertos (acesso: 3 euros por noite): Sexta-feira : Cró!RudolfoÇuta Kebab & Party ///  Sábado : Presidente Drógado, Batatas Parvas (Nuno Moura + Ghuna X), Aceloria

Convidados estrangeiros: Alex Vieira (Brasil), Élise Hallab (França), Kaja Avberšek (Eslovénia), Nan VazPelucas e Tayone (Galiza / Espanha)

2ª Mão: as prendas mais baratas do Universo! Livros, revistas, LPs, CDs, DVDs, etc… a preços completamente laicos de mercado e de especulação coleccionadora! É uma tradição da Laica e levamos a casa à costas para o Porto para voltarmos mais leves… Italo Calvino a 1 euro? Jorge Palma a 2 euros? Não é a crise! É a loucura!!

±±±±±

Apoios: Funcultura / Governo do Espírito Santo, Infektion Magazine, Marvellous Tone

Agradecimento especial: Hostel Andarilho

Festa de Despedida

In autores estrangeiros, LAICA NATAL, Música on Dezembro 9, 2011 at 11:03 am

cartaz: Miguel Carneiro / Oficina Arara

Exposição internacional de serigrafia e outros resíduos gráficos dos colectivos Oficina Arara (Porto), Mike Goes West (Lisboa), Stripburger (Eslovénia) e Amalgama (Galiza)

Concerto HHY & The Macumbas

Cozinha cabo-verdeana da Filó

A partir das 19h no Espaço Campanhã [Rua Pinto Bessa, nº122, armazém 21, Porto]

14ª Feira Laica / Julho 2009 / Espaço Campanhã

In autores estrangeiros, LAICA extra, Música, murais on Julho 4, 2009 at 1:01 pm

cartaz de Von Calhau

Integrada no evento A Mula Ruge, organizado pelos confrades tripeiros d’A Mula, que apresentou uma exposição colectiva {com Miguel Carneiro, Marco Mendes, Arlindo Silva, Filipe Abranches, João Maio Pinto, André Lemos, Berto Fojo, Likenico, Pelucas, Von Calhau, José Feitor, Júcifer, Lígia Paz, Raygal, Mauro Cerqueira, Mike Goes West, Nuno de Sousa, Carlos Pinheiro e Carlos Zíngaro} e ainda os concertos da Mental Liberation Ensemble & Carlos Zíngaro e João Peludo.

cartaz de Miguel Carneiro

A feira contou com a participação das edições A Mula, Chili Com Carne, Edições Mortas, Opuntia Books, Imprensa Canalha, Mike Goes West, Bela Trampa, Um Café, Stripburger, Le Chanelas, Lemur, Revista Voca, Berto Fojo, Pelucas & Likenico. Houve ainda churrasco!

Na feira foi lançado o tão aguardado parto do Maga-Mega-Trans-Pró-Pseudo-Hã? Zine Qu’Inferno pelos Gajos da Mula. Com capa em serigrafia (e todas diferentes), impressa no atelier Mike Goes West e paginada pelo João Marrucho, a revista de 112 págs (incluindo 2 cadernos cor-de-fogo) conta com a participação de André Lemos, Von Calhau, Jucifer, José Feitor, Aida Castro, Lígia Paz, Nuno de Sousa, Carlos Pinheiro, Joaquim Vieira, Rodrigo Neto, Nuno Camarneiro, João Maio Pinto, A. Da Silva O., Mário Augusto, Mauro Cerqueira, Arlindo Silva, Carlos Zíngaro, Filipe Abranches, João Marrucho, Marco Mendes e Miguel Carneiro.

Este slideshow necessita de JavaScript.

13ª Feira Laica / Junho 2009 / Bedeteca de Lisboa

In autores estrangeiros, LAICA VERÃO, Música, murais on Junho 27, 2009 at 11:35 am

cartaz de Tommi Musturi

A Feira Laica voltou à Bedeteca de Lisboa pela 5ª vez, desta feita com a participação estrangeira do Colectivo Kuti Kuti {Finlândia} e Stripburger {Eslovénia}. Estiveram também presentes a Revista Acto, Alexandre Esgaio, Averno, Bela Trampa, Chili Com Carne, Colectivo Pinopaco, El Pep , Discos F.Leote, Flor Caveira, O Hábito faz o Monstro, Hülülülü, Imprensa Canalha, Lemur, Mike Goes West, MMMNNNRRRGGG, Opuntia Books, Piggy, Reject Zine, Skinpin Records, Sleep City, Thisco , Zona Zero, Znok e Pepino.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Novidade foi a exibição de filmes no auditório: CTRL+ALT+TOONS : A collection of independent cartoon by Inguine.net do Colectivo Inguine; Carbage Goma de David Lee Price; 20 ans de Fanzino de Marika Boutou e Karel Pairemaure; Doczine, vols. 1 e 2 de José Lopes; filmes de animação da Produtora Animanostra: Histórias de Molero de Afonso Cruz, Januário e a Guerra de André Ruivo, Pássaros de Filipe Abranches, Algo importante de João Fazenda, Diário de uma inspectora do livro de recordes de Tiago Albuquerque, Um degrau pode ser um mundo de Daniel Lima, O Paciente, Sem respirar e Sem dúvida, amanhã de Pedro Brito.

cartaz de Jucifer

Para completar esteve em exposição GlömpX – narrativas em três dimensões vindas da Finlândia, regressou a máquina de desenhar quase remodelada, fez-se pesca na piscina (literalmente!) com os miúdos, e ainda se ouviram os concertos de Amon Düde {Finlândia} e Goran Titol.

No Pós-Laica de Sábado houve uma Festa da Meia Noite Laica Kuti com DJs Filho Único, no bizarro Scandibar do Cais do Sodré e no Domingo uma chuva torrencial para terminar em grande!